5 de agosto de 2013

Um papo sobre bullying

[...] Bullying é quando alguém machuca ou humilha constantemente outra pessoa. Xingar, espalhar rumores, agredir ou excluir intencionalmente alguém também são formas de bullying. Isso pode acontecer pessoalmente, por escrito, por telefone, pela internet, redes sociais (bullying virtual), na escola, no ônibus, em casa... em qualquer lugar. Seja onde for o bullying é inadmissível.
O bullying é um problema sério que afeta milhões de crianças sem importar de onde são, principalmente na escola. E esse problema precisa ser resolvido o quanto antes. Normalmente, os menores, mais novos ou mais vulneráveis são as vítimas dos agressores. Eles escolhem as crianças que consideram diferentes, as que não usam roupas da moda, que vêm de uma minoria étnica, social ou racial. Por exemplo: as mais atrapalhadas, mais gordinhas, que têm as melhores notas ou que sejam tímidas. A verdade é que quem está a fim de machucar, humilhar ou excluir alguém do seu grupo de amigos não precisa de muito. O agressor não só humilha as vítimas como também afeta as testemunhas, especialmente quando elas não sabem o que fazer a respeito.
O bullying virtual se espalha viralmente pela web e pode fazer a vítima se sentir humilhada constantemente, de uma forma difícil de deter.


Não é uma piada, não é uma brincadeira, o bullying é inadmissível.


O bullying é inadmissível. Essa é uma campanha do Cartoon Network. Eu já assinei o compromisso, e você? Clique aqui e saiba mais sobre a campanha!